Alentejo , alma minha !

És minha terra sagrada, guardada dentro de mim ! Pelo sol  foste doirada, planície que não tem fim !

Ai Alentejo, Alentejo , daqui te mando o meu beijo!

Terra de azeite e de pão ,aos pobres matas a fome ! Palpita meu coração e a saudade me consome !

Ai Alentejo, Alentejo , daqui te mando o meu beijo !

Anúncios

Voltar atrás

 

Se pudesse voltar atrás,
faria tudo como fiz!
Nada seria mudado
porque em cada passo meu,
em cada dia , eu quis
espalhar amor por todo o lado,
construir um mundo de paz !


Muito semeei sem restrições,
muito me dei sem medida !


Conquistei alguns corações?


Sinto-me amada e querida?


Mas que importa este mundo?


Eu sei que Alguém, lá no céu,
sabe bem quem sou,
me conhece melhor que eu.IMG_20160312_161619

Na pele da dor

refugiados

Não há entendimento possível
sobre o sofrimento de alguém
se não for atingido o nível
da dor que só da alma vem!


Muito se fala no mundo
sobre os porquês e as razões
de quem , indefeso,
cai em desespero profundo

mas não desiste de encontrar soluções!


Vamos todos vestir ,
vestir a pele da dor!
Então , todos podemos sentir
como é preciso haver
solidariedade e Amor !


Graça Foles Amiguinho
14-10-2015

Senhora de Fátima

nsfatima_site.jpg

Senhora do Amor,
Senhora da Paz!
Dá-nos teu calor
que tanta falta nos faz!

Neste mundo em confusão,
Senhora, tem piedade!
Há homens sem coração
esmagando a humanidade!

Tanto sofrimento no mundo!
Tanta gente desprezada!
Dá-nos teu amor profundo
e toda a dor será aliviada!

Olha por nós, doce Mãe!
Em Ti queremos descansar!
Não olhes as nossas faltas.
Vem, ó Mãe , nos ajudar!

Graça Foles Amiguinho
13-10-2015

Onde mora a verdade ?

 

Tantos rodeios, tantas palavras
e o povo geme de ansiedade!
Tu, que o campo , com suor, lavras ,
sabes onde mora a verdade?

Nesse leito , rude , onde sofres ,
já nada sabes nem acreditas.
Quem te visita são os pobres
que aliviam tuas horas malditas !

E o tempo passa impiedoso.
Nada acontece, nada se passa.
Criança pobre, olhar choroso,
quem  roubou a tua graça?

Sentado no banco da escola ,
estômago vazio, a esta hora.
A tristeza te invade e desola !
A tua verdade foi embora ?

Mas uma nova luz brilhará!
A verdade desnudada e crua ,
uma mensagem a todos trará !
O sol se casou com a lua!verdade

Graça Foles Amiguinho
13-10-2015

 

Jesus

Jesus, Tu és Amor
Jesus, Tu és Salvação!
Jesus, Tu és o Calor
Que abrasa o meu coração!

Quanto te amo, Senhor
por todo o bem que me dás.
Pões em mim tanto ardor,
comigo sempre andarás !

Me alegro com quem se alegra
e choro com quem chorar.
Meu coração não é de pedra
è assim por tanto Te Amar

Onde vejo aflição
corro, corro, sem parar.
Quero dar a minha mão
a quem de mim precisar

Dou-me com a paz e alegria
sem recompensa esperar.
Assim sempre fez Maria
meu exemplo de Amor sem par.

Graça Foles Amiguinho

14/10/2011jes

Sou Alentejaninha

monte

Sou Alentejaninha

nascida em Santa Eulália,

uma aldeia tão branquinha

que guardo na minha alma !

Sinto nisso vaidade

e uma grande alegria ,

pois o tempo e a idade

fazem melhor o meu dia.

Vivo longe da planície

mas em meu coração

há sempre a doce lembrança

da minha terra do pão.

Herdei da minha Mãe

esta grande paixão.

O Alentejo sou eu,

quer eu queira ou não.

Graça Foles Amiguinho

14/10/2017

 

Por ti, meu amor !

 

Por ti meu coração angustiado
sofre por não estar a teu lado.

Por ti meu coração palpitante
deseja esquecer este instante.

Por ti , meu amor, quero apagar
esta dor que me quer destroçar.

Por ti tudo daria para poder
vencer barreiras e correr.

Em pensamento
luto contra a distância e o tempo.
Vou ao teu encontro,
minha mão ponho sobre o teu ombro.

A Deus suplico proteção
e, com toda a minha dedicação,

te envolvo nos meus braços,
te cubro de beijos e abraços.

Por ti ,sempre por ti ,eu acredito
que tudo vai passar
pois Deus não te vai abandonar

Graça foles Amiguinho

11/10/2015creative-cute-fingers-hand-heart-Favim_com-225847

Tarde de outono

 

Neste fim de tarde de um Outono sereno ,
entre um chá bem quente e um gostoso doce,
minha alma sente o perfume das flores
cansadas, tão douradas que teimam viver
entre as folhas a amarelecer.
Na minhas mãos prendo as pétalas acetinadas e macias
caídas na terra onde um bichinho-de-conta
tão pequenino, aguarda, cheio de medo ,
sobreviver, apesar de nada de mal fazer!

Graça Foles Amiguinho

11/10/2012fm

Triste tarde de outono

 

Tão triste como eu.
As folhas caem no chão, desoladas!
O vento, impiedoso , as arrasta !
A natureza emudeceu.
Com ela , minha alegria esmoreceu!
Fugiu a vontade de cantar.
Minha voz procurou outro lugar!
Meu coração se aperta.
Esta tristeza em mim desperta
com o desalento que bateu, sem piedade,
à minha porta!
Será que a sua dor me conforta?
Então, de mãos dadas, vamos a caminho
de outro tempo, outro céu ,da felicidade !
Estará o Outono enganado?
Ou estarei eu?large


Graça Foles Amiguinho
11-10-2015